Ataque americano na Síria matou nove civis, incluindo crianças

Imagem cedida pela Marinha americana mostra míssil lançado durante operação no Mar Mediterrâneo, em 7 de abril de 2017

Nove civis, incluindo quatro crianças, morreram nos bombardeios americanos contra uma base militar do regime na Síria, anunciou a agência oficial Sana.

"A agressão americana provocou a morte de nove civis, incluindo quatro crianças, deixou sete feridos e provocou danos importantes em casas das localidades de Al-Shayrat, Al-Hamrat e Al-Manzul", próximas da base atacada, informou a agência.

De acordo com a Sana, cinco civis - incluindo três crianças - morreram em Al-Shayrat, que fica ao lado da base militar de mesmo nome.

Os outros quatro civis, entre eles uma criança, morreram na localidade de Al-Hamrat em um ataque com um "míssil americano. Sete pessoas foram feridas por outro míssil em Al-Manzul, de acordo com a Sana.

O exército sírio anunciou algumas horas antes a morte de seis pessoas na base, sem informar se eram vítimas civis ou militares.