Ataque mortal a clínica no noroeste da Síria

O Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH) informou nesta quarta-feira que uma mulher foi morta em um bombardeio das forças do regime contra um prédio que incluía uma clínica na província de Idlib, o último grande reduto rebelde e jihadista do país.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos