Ataques aéreos no Tigré deixaram mais de 100 mortos em 2022

As Nações Unidas disseram nesta sexta-feira que pelo menos 108 civis morreram desde o começo de 2022 em ataques que teriam sido realizados pela Força Aérea etíope na região do Tigré.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos