Ataques aéreos russos matam 42 em cidade síria tomada por Estado Islâmico, diz grupo

Mulher na cidade síria de Raqqa. 16/06/2015 REUTERS/Rodi Said

BEIRUTE (Reuters) - Ataques aéreos de aviões de guerra russos na cidade síria de Raqqa, tomada pelo Estado Islâmico, mataram 42 pessoas nesta semana, incluindo 27 civis, informou nesta sexta-feira o Observatório Sírio para Direitos Humanos, grupo que monitora o conflito na região. Quinze militantes do Estado Islâmico completam o número restante de mortos, informou o grupo sediado na Grã-Bretanha, após uma série de ataques na terça-feira que atingiram uma fortaleza dos militantes. (Reportagem de John Davison)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos