Ataques de houthis deixam ao menos 30 mortos em base militar do Iêmen

·1 minuto de leitura

ADEN (Reuters) - Pelo menos 30 soldados foram mortos e 60 ficaram feridos neste domingo em ataques de houthis a uma base militar pertencente a forças da coalizão liderada por sauditas no sudoeste do Iêmen, disseram um porta-voz das forças e fontes médicas.

Os houthis realizaram vários ataques usando drones armados e mísseis balísticos na base militar de al-Anad, disse o porta-voz das forças do sul do Iêmen, Mohamed al-Naqeeb.

Naqeeb afirmou que entre 30 a 40 soldados foram mortos e pelo menos 60 ficaram feridos, acrescentando que o número de mortos ainda pode aumentar, já que as equipes de resgate faziam buscas no local.

As forças do sul fazem parte da coalizão liderada pelos sauditas. Duas fontes médicas disseram que vários corpos chegaram ao principal hospital da província de Lahj junto com outros 16 feridos. Não ficou claro se civis estavam entre as vítimas.

(Por Mohamed Ghobari e Reyam Mukhashaf)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos