Ataques do Taliban encerram breve cessar-fogo no Afeganistão

·1 minuto de leitura

CABUL (Reuters) - Insurgentes do Taliban lançaram ataques em um distrito do leste do Afeganistão onde anciãos locais mediaram um cessar-fogo que teria um mês de duração, acabando com as esperanças de uma trégua temporária, disseram moradores e autoridades nesta sexta-feira.

O cessar-fogo, um acontecimento raro no momento em que os combates aumentam no país, havia começado na terça-feira para permitir que moradores colhessem trigo e alunos realizassem provas.

"Infelizmente, o Taliban não foi capaz de cumprir sua promessa, começaram ataques contra postos de verificação de forças de segurança afegãs", disse Malik Wares, ancião tribal do distrito de Alingar, na província de Laghman.

"Eles sempre serão culpados perante as tribos de Laghman".

O Taliban não respondeu de imediato a um pedido de comentário.

O chefe do conselho provincial de Laghman disse que os combates começaram na noite de quinta-feira e que o Taliban também capturou outro distrito da província.

"É muito triste ver nossos esforços desperdiçados", disse Jaber Alkozai, morador de Alingar. "Inicialmente, as pessoas, especialmente os agricultores, ficaram muito felizes quando o Taliban e o governo local aceitaram as exigências das pessoas de um cessar-fogo, mas agora parece que temos que esperar dias muito ruins pela frente".

Os confrontos se intensificaram no Afeganistão agora que forças dos Estados Unidos e da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) estão retirando tropas.

(Redação Cabul)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos