Atentado mortal em Mogadíscio

Dois carros armadilhados explodiram, este sábado, em Mogadíscio, a capital da Somália matando várias pessoas.

De acordo com as autoridades do país é, ainda, impossível determinar o número certo de vítimas.

A polícia de Mogadíscio informou que as explosões ocorreram quase em simultâneo. Um dos veículos explodiu no interior do Ministério da Educação e o outro no exterior do edifício.

O ataque na capital somali ocorreu num dia em que o presidente, o primeiro-ministro e outras entidades do país se reuniam para discutir o combate ao extremismo violento praticado, especialmente, pelo grupo al-Shabab, um braço da Al-Qaida, que frequentemente tem como alvo Mogadíscio.

O atentado deste sábado ainda não foi reivindicado, mas ocorreu no mesmo cruzamento que, em 2017, foi cenário de uma enorme explosão de um camião, perpetrada pelo al-Shabab, e que matou mais de 500 pessoas.