Atividade em mina argentina de Barrick é suspensa após rompimento de duto

Foto cedida pela Telam mostra o ministro das Minas da província de San Juan, Alberto Hensel (C), em San Juan, em 30 de março de 2017

O governo e a justiça da província argentina de San Juan ordenaram nesta quinta-feira a suspensão provisória das atividades na mina de ouro de Barrick Gold, depois que a mineradora canadense admitiu ter sofrido um novo incidente por rompimento de dutos.

A medida tomada pelo governador Sergio Uñac foi informada pelo portal do governo.

O secretário da Mineração de San Juan, Alberto Hensel, informou que o processo de separação de metais (lixiviação) no vale da mina Veladero será suspenso "enquanto não for feita a reparação do duto", disse.

A mineradora canadense informou ao governo que na terça-feira à tarde "aconteceu na mina Veladero o rompimento dos dutos localizados sobre um canal de contenção que transporta solução rica (conduz ouro e prata)".

A empresa negou que o derramamento contenha líquidos perigosos, mas organizações ambientalistas pediram o fechamento do local.

Este é o terceiro incidente na mina de Veladero, a 370 km a noroeste da capital provincial, que fica a 1.150 km a oeste de Buenos Aires.