Ativista do "Femen" exibe seios no presépio da Praça São Pedro

Ativista do grupo Femen protesta em presépio da Praça São Pedro com os seios descobertos e a frase "God is woman" (Deus é mulher)

Uma ativista do grupo "Femen", que protesta contra a oposição da Igreja ao aborto e à união entre pessoas do mesmo sexo, exibiu nessa quinta-feira seus seios descobertos no presépio da Praça São Pedro, no Vaticano, segundo testemunhas.

A mulher tirou a camiseta e mostrou os seios, onde se lia "God is woman" (Deus é uma mulher).

O incidente aconteceu no início da tarde, bem depois da bênção "urbi et orbi" do papa, mas ainda havia gente na praça. Após subir nas grades de metal, ela foi rapidamente detida pela guarda do Vaticano.

O grupo feminista "Femen" nasceu na Ucrânia e se opôs, exibindo seios, ao antigo regime pró-russo do país assim como à Igreja Ortodoxa. O movimento se espalhou por toda a Europa, onde também critica a Igreja Católica, acusada de ser retrógrada em relação aos direitos das mulheres.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos