Ato no Rio critica governo Bolsonaro por reformas e privatizações

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - A agenda de reformas e privatizações, uma das promessas do governo Jair Bolsonaro, é motivo de críticas em discursos, cartazes e bandeiras durante o protesto no centro do Rio, neste sábado (2).

Um grande boneco inflável colocado ao lado do palco na Cinelândia é usado por manifestantes contrários à venda dos Correios.

Enquanto isso, lideranças de partidos políticos seguem com discursos.

A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) afirmou que esta é uma "manifestação que defende a vida", elogiou o público que usava máscaras e pediu uma frente ampla contra Bolsonaro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos