Ator argentino-brasileiro acusado de estupro acumula papéis de galã em novelas

1 / 2

juan darthes.jpg

O ator Juan Darthés é acusado de abuso sexual pela atriz Thelma Fardin

Acusado de estupro pela atriz Thelma Fardín, o ator argentino-brasileiro Juan Darthés, que agora é procurado pela Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol), estreou nas novelas do país hermano na década de 1980 e acumulou mais de 20 participações. Um dos trabalhos de maior sucesso foi na trama de "Patito feo" (Patinho feio, em português), em 2007, em que Darthés interpretou o pai desconhecido da protagonista.

 

Nesta novela é que o ator trabalhou ao lado de Thelma, responsável pela acusação. A atriz diz que tinha 16 anos quando foi estuprada, em 2009. Segundo a jovem, Darthés foi até o quarto de hotel onde ela estava, durante uma turnê de apresentações do elenco do seriado pela América Latina. Thelma diz que o homem obrigou que ela tocasse nele e a forçou a ter relações sexuais enquanto a jovem pedia que ele parasse. O ator nega todas as acusações.

Darthés costumava figurar nos papéis de galã, com personagens que se envolviam em triângulos amorosos. A última novela foi "Simona", em 2008. Nela, o ator viveu o médico Diego Guerrico, que acaba se envolvendo com a mãe da protagonista da novela.