Ator encontrado com saco na cabeça teve morte acidental, conclui perícia

·1 minuto de leitura
Luiz Carlos Araújo era conhecido por atuar na novela Carinha de Anjo, do SBT. Foto: Reprodução
Luiz Carlos Araújo era conhecido por atuar na novela Carinha de Anjo, do SBT. Foto: Reprodução
  • Luiz Carlos Araújo foi encontrado no dia 11 de setembro por amigos

  • Falecimento também tem relação com uso de drogas

  • Polícia alerta para perigos

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) concluiu que a morte do ator Luiz Carlos Araújo foi acidental, conforme divulgou a Polícia Civil de São Paulo nesta quarta-feira (22). A causa da morte, segundo o documento, foi asfixia e uso de drogas.

Araújo, de 42 anos, era conhecido por sua atuação na novela Carinha de Anjo, do SBT, foi encontrado por amigos e pela Polícia Militar sem vida no dia 11 de setembro, em seu apartamento no centro de São Paulo. Ele estava sozinho, na cama, com um saco plástico na cabeça.

Leia também

O laudo médico concluiu que o ator usava o saco para tentar aliviar a ansiedade, em um técnica polêmica conhecida como re-respiração, que consiste em colocar um saco de papel na boca e assoprar. Ao colocar um saco plástico na cabeça, Araújo aumentou o teor de dióxido de carbono, que é tóxico, e reduziu o de oxigênio.

"Tal prática pode ter como complicação a asfixia por confinamento", afirma a nota divulgada pela 1ª Delegacia Seccional Centro, que investiga a morte de Luiz Carlos, sobre o laudo do IML.

A delegacia disse também que a perícia médica informou que a morte também estava associada ao uso de antidepressivos, bebida alcoólica e cocaína, que levaram a perda de consciência.

Com isso, a polícia concluiu que a causa provável de morte foi morte acidental e que não há indício de crime.

Antes, a investigação trabalhava com três hipóteses para a morte do ator: assassinato, suicídio e uso de substância tóxica.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos