Ator mirim de "Pantanal" tem alta clínica após acidente e aguarda liberação de ortopedista

Gustavo Corasini, ator que fez Tadeu de "Pantanal" na primeira fase da novela, finalmente teve alta clínica após atropelamento. Gustavo e o amigo Eduardo Souza, de 13 anos, foram atropelados enquanto enfeitavam a rua com bandeirinhas verdes e amarelas para a Copa do Mundo. O ator foi internado, mas o amigo não resistiu aos ferimentos e morreu.

Agora, Gustavo aguarda a liberação do cirurgião ortopedista para voltar para casa de vez. Quem está atualizando seu estado de saúde é sua família, que publicou alguns stories em seu perfil. "Gustavo passou o dia bem, ainda tem dores, mas controladas com remédios. Já teve alta da parte clínica pela pediatra, só estamos pendentes da liberação do cirurgião ortopedista. Ansioso para ir embora para casa. Esperamos trazer amanhã boas notícias", mostra a nota, divulgada ainda na noite da quarta (31).

O menino sofreu grave acidente. (Reprodução/Instagram @gustavocorasini)
O menino sofreu grave acidente. (Reprodução/Instagram @gustavocorasini)

Já na manhã desta quinta-feira, 1° de setembro, mais um story foi publicado, dessa vez informando que Gustavo dormiu bem e está ansioso para sair do hospital. Ao todo, a criança passou nove dias se recuperando, precisou passar por cirurgias e até usar sonda.

O quadro de Gustavo segue em atualização. (Foto: Reprodução/Instagram @gustavocorasini)
O quadro de Gustavo segue em atualização. (Foto: Reprodução/Instagram @gustavocorasini)

Relembre

Gustavo Corasini, de 12 anos estava fazendo fitinhas para decorar para a Copa do Mundo no condomínio onde mora com os amigos quando foi atropelado. Após um pedreiro de uma casa vizinha cair e ser resgatado por uma ambulância, uma vizinha precisou tirar o carro para dar passagem ao resgate.

A vizinha se perdeu na faixa e atropelou Gustavo e o amigo, que não resistiu e morreu. O ator quebrou o braço, perna e fraturou a bacia, precisando passar por uma cirurgia.