Autor de pedido de homenagem ao Fisiculturismo, deputado que recebeu indulto de Bolsonaro passa a integrar Comissão de Esportes da Câmara

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Na reformulação feita nesta quarta-feira nas comissões da Câmara, o deputado Daniel Silveira — que recentemente recebeu um indulto presidencial para não cumprir uma pena dada pelo STF —, foi indicado pelo seu partido, o PTB, para integrar a de Esportes. O parlamentar não é exatamente atuante no assunto. Entre os seus 205 projetos e requerimentos, apenas dois tratam do assunto.

Em 2019, seu primeiro ano como deputado, Silveira fez um requerimento para a Câmara realizasse uma solenidade para homenagear o “Fisiculturismo e a sua prática no Brasil”. O pedido, entretanto, foi ignorado na Casa.

O outro projeto foi apresentado no ano passado. O parlamentar apresentou uma pequena alteração na Lei do Mandante, editada pelo Governo Federal. Essa sugestão também repousa em alguma gaveta da Câmara.

Daniel Silveira ficou conhecido antes de ser eleito. Ele, ao lado de Rodrigo Amorim, deputado estadual no Rio de Janeiro, quebrou uma placa com o nome de Marielle Franco. Depois, se envolveu em polêmicas com o STF, foi investigado e condenado pelo Tribunal por ameaça aos ministros.

Quem também passou a fazer parte da Comissão de Esportes foi o ex-goleiro do Grêmio Danrlei (PSD/RS). Agora deputado, ele já está em seu terceiro mandato. O novo presidente da Comissão é o Delegado Pablo (União/AM), que afirmou que pretende realizar audiências públicas sobre a participação da seleção na Copa do Mundo.

A atribuição da Comissão de Esportes é dar pareceres sobre todos os projetos de lei que tratam sobre desporto, desde o de alto rendimento ao escolar, passando também pela Justiça Desportiva.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos