Autorretrato inédito de Van Gogh é descoberto atrás de outra pintura na Escócia

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Um autorretrato inédito de Vincent Van Gogh, com a orelha intacta, foi encontrado atrás de outra tela do pintor holandês, informou a Galeria Nacional da Escócia em Edimburgo nesta quinta-feira.

Kevin Spacey: ator se declara não culpado de acusações de agressão sexual em Londres

Guerra na Ucrânia: ataques russos deixam 12 mortos, dizem socorristas

A obra foi descoberta graças a um estudo de raios-X da tela "Retrato de Mulher (Cabeça de Camponesa)", feita em 1885 por Van Gogh, antes de uma exposição sobre o Impressionismo no Museu Escocês.

'Van Gogh live - 8K': saiba como será a exposição que estreia no Rio em julho

— Quando vimos o raio-X pela primeira vez, é claro que ficamos muito emocionados — disse Lesley Stevenson, curadora principal da Galeria Nacional da Escócia.

O retrato foi encontrado atrás da tela, coberto por camadas de cola e papelão, que aparentemente foram colocadas antes de uma exposição no início do século XX.

— Momentos como esses são incrivelmente raros — afirmou Frances Fowle, curador da Galeria Nacional da Escócia. — Descobrimos uma obra inédita de Vincent Van Gogh, um dos artistas mais importantes e conhecidos do mundo.

Van Gogh é conhecido por ter reutilizado telas para economizar dinheiro.

Este autorretrato mostra um homem barbudo sentado usando um chapéu e um lenço no pescoço. Sua orelha esquerda - que o pintor cortou em 1888 - pode ser vista perfeitamente.

Na exposição em Edimburgo, de 30 de julho a 13 de novembro, os visitantes poderão ver a obra, reproduzida por radiografia. Os curadores agora precisam estudar como remover a cola para separar as duas pinturas sem danificá-las.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos