Auxílio Brasil: Beneficiários com NIS final 4 recebem parcela nesta terça

Próximos integrantes do Auxílio Brasil a receberem o benefício serão os inscritos com final 5 do NIS, que terão acesso ao valor a partir de amanhã (REUTERS/Diego Vara)
Próximos integrantes do Auxílio Brasil a receberem o benefício serão os inscritos com final 5 do NIS, que terão acesso ao valor a partir de amanhã (REUTERS/Diego Vara)
  • Beneficiários do Auxílio Brasil com NIS final 4 recebem a parcela de novembro nesta terça-feira;

  • Ministério da Cidadania não antecipou os pagamentos do benefício neste mês;

  • Ao longo dos pagamentos, 21,1 milhões de famílias deverão ser beneficiadas.

Beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) final 4 recebem nesta terça-feira a parcela de novembro do Auxílio Brasil.

Ao contrário do que aconteceu em alguns meses durante o período eleitoral, o Ministério da Cidadania não antecipou os pagamentos do benefício neste mês. A liberação das parcelas de R$ 600 seguirá o cronograma oficial.

Ao longo dos pagamentos, 21,1 milhões de famílias deverão ser beneficiadas. Os próximos integrantes do programa a receberem o benefício serão os inscritos com final 5 do NIS, que terão acesso ao valor a partir de amanhã (23). Os pagamentos devem ser concluídos dia 30 de novembro.

Confira o calendário de novembro

  • NIS final 1 – 17 de novembro

  • NIS final 2 – 18 de novembro

  • NIS final 3 – 21 de novembro

  • NIS final 4 – 22 de novembro

  • NIS final 5 – 23 de novembro

  • NIS final 6 – 24 de novembro

  • NIS final 7 – 25 de novembro

  • NIS final 8 – 28 de novembro

  • NIS final 9 – 29 de novembro

  • NIS final 0 – 30 de novembro

Quem tem direito?

De acordo com informações da Caixa Econômica Federal, "podem participar do Programa as famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza que tenham, em sua composição, gestantes, mães que amamentam, crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos".

Pelo critérios do banco, as famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda familiar per capita mensal igual ou inferior a R$ 105,00. As famílias pobres são aquelas que têm renda familiar per capita de R$ 105,01 e R$ 210,00.