Auxílio Brasil: parcela de R$ 600 começa a ser paga; veja quem recebe

O Auxílio Brasil vai ser de R$ 600 até dezembro deste ano (Getty Image)
O Auxílio Brasil vai ser de R$ 600 até dezembro deste ano (Getty Image)
  • Os pagamentos do Auxílio Brasil começam nesta segunda-feira (15)

  • Essa será primeira parcela com o valor mínimo de R$ 600

  • O total de beneficiários atendidos pelo programa sobe para 20,2 milhões

Beneficiários do Auxílio Brasil começam a receber através da Caixa Econômica Federal paga nesta segunda-feira (15) a parcela de agosto. As pessoas que têm o Número de Inscrição Social (NIS) de final 5 serão as contempladas.

Essa será primeira parcela com o valor mínimo de R$ 600. O aumento de R$ 200 estará em vigor até dezembro, de acordo com a emenda constitucional promulgada em julho pelo Congresso Nacional.

Quando a emenda constitucional foi aprovada, nas vésperas do período eleitoral, a medida também liberou a inclusão de 2,2 milhões de famílias no programa. Com a ampliação, o total de beneficiários atendidos pelo programa sobe para 20,2 milhões.

É importante ressaltar que janeiro de 2023, o valor do Auxílio Brasil voltará a ser fixado em R$ 400. Ele só continuará em R$ 600 sr nova proposta de emenda à Constituição for aprovada. Normalmente, as datas do Auxílio Brasil seguem o modelo do Bolsa Família, que pagava nos dez últimos dias úteis de cada mês. Contudo, uma portaria editada no início de agosto antecipou o pagamento da parcela do benefício para o período de 9 a 22 deste mês.

Outro benefício que seguirá esse cronograma é o Auxílio Gás. Ele será pago hoje às famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), com o cartão com NIS final 5. O valor pago às famílias beneficiadas chega a R$ 110.

O programa deve durar 5 anos e cinco anos beneficiará 5,5 milhões de famílias até o fim de 2026. A medida tinha orçamento de R$ 1,9 bilhão para este ano. No entanto, a verba destinada subiu para R$ 2,95 bilhões após a promulgação da emenda constitucional. O valor é destinado a famílias que estão incluídas no CadÚnico e tenham ao menos um membro da família que receba o Benefício de Prestação Continuada (BPC).