Avaliação negativa do governo Bolsonaro se mantém em 53%, diz Datafolha

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
O presidente em Brasília
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Jair Bolsonaro
    38.º presidente do Brasil

SÃO PAULO (Reuters) - A avaliação negativa do governo do presidente Jair Bolsonaro se manteve em 53%, segundo pesquisa Datafolha divulgada na madrugada desta sexta-feira pelo jornal Folha de S.Paulo, que apontou que o percentual dos que consideram o governo ruim ou péssimo em dezembro foi o mesmo do levantamento feito em setembro.

O mesmo ocorreu com o percentual dos que veem o governo como ótimo ou bom, que somaram os mesmos 22% da pesquisa anterior, e com aqueles que enxergam o governo como regular, que são 24% nas duas sondagens.

De acordo com o Datafolha, a avaliação do governo Bolsonaro vive seu pior momento, com a maior taxa de ruim ou péssimo e a menor de ótimo ou bom desde que ele assumiu a Presidência em janeiro de 2019.

Na quinta, o instituto divulgou pesquisa de intenção de voto para a eleição presidencial do ano que vem, que apontou liderança folgada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), com 48%, e Bolsonaro, recentemente filiado ao PL, isolado na segunda posição com 22%, mesmo patamar dos que veem seu governo de forma positiva.

O Datafolha ouviu 3.666 pessoas entre segunda e quinta-feira desta semana em 191 cidades do país. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.

(Reportagem de Eduardo Simões)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos