Avaliação positiva do governo Bolsonaro cai para 35%, diz CNI/Ibope

Eduardo Simões
·1 minuto de leitura
Presidente Jair Bolsonaro gesticula durante cerimônia no Palácio do Itamaraty em outubro

Por Eduardo Simões

SÃO PAULO (Reuters) - A avaliação positiva do governo do presidente Jair Bolsonaro --aqueles que o veem como ótimo ou bom-- caiu para 35% em dezembro, contra 40% em setembro, mostrou pesquisa Ibope encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e divulgada nesta quarta-feira.

De acordo com a pesquisa, o percentual dos que avaliam o governo como ruim ou péssimo somou 33%, ante 29% na sondagem anterior, ao passo que aqueles que veem o governo como regular somam agora 30%, ante 29% em setembro.

O levantamento também mostrou que 46% dos entrevistados aprovam a maneira de Bolsonaro governar --eram 50% em setembro-- e 49% a desaprovam --contra 45% na pesquisa anterior. Agora, portanto, o percentual dos que desaprovam a forma do presidente governar supera o dos que aprovam.

A sondagem mostrou ainda a manutenção do cenário registrado em setembro, em que a maioria dos entrevistados não confia no presidente. Agora são 53% os que não confiam em Bolsonaro --eram 51% em setembro--, contra 44% que confiam --eram 46% na pesquisa anterior.

O Ibope ouviu 2 mil pessoas em 126 municípios entre os dias 5 e 8 de dezembro. A margem de erro do levantamento é de 2 pontos percentuais.