Avião da Avianca faz pouso forçado em Brasília após falha no trem de pouso

DESTAQUES EM ECONOMIA

SÃO PAULO, 28 Mar (Reuters) - Um avião da Avianca fez um pouso de emergência nesta sexta-feira no aeroporto de Brasília e todos os passageiros foram retirados da aeronave, afirmou a companhia aérea em comunicado.

Segundo a Força Aérea Brasileira, o trem de pouso dianteiro falhou e o avião foi forçado a pousar de barriga em uma das duas pistas do Aeroporto Internacional de Brasília - Juscelino Kubistchek.

Em nota, a Avianca não confirmou a causa do incidente. De acordo com a companhia aérea, o avião modelo Fokker 100 voava de Petrolina (PE) para Brasília com 44 passageiros e 5 tripulantes a bordo e "pousou de forma segura" às 17h42 na capital federal.

"Todos os passageiros foram desembarcados e transportados, em ônibus, até o terminal de passageiros. Após o desembarque, alguns passageiros optaram por seguir em suas conexões", diz a nota, sem citar se houve feridos.

Imagens de TV mostravam o avião da Avianca inclinado na pista, com a parte dianteira tocando o chão, rodeado de carros de bombeiros.

A assessoria de imprensa da Inframérica, concessionária do aeroporto de Brasília, afirmou que o terminal opera no momento apenas com uma das duas pistas, já que o incidente limitou a operação em uma delas. Não havia previsão de abertura da segunda pista.

No boletim das 20h, dados publicados no site da Infraero, por opção da Inframérica, mostravam que de 161 voos domésticos programados até aquele horário nesta sexta-feira, 17 voos estavam atrasados e 3 haviam sido cancelados.

(Por Bruno Marfinati)