Avião desaparecido é localizado sem sobreviventes

Foi localizado nesta sexta-feira (1) o avião monomotor RV-7 que havia desaparecido na última segunda-feira (28) quando realizava um voo entre Ubatuba (SP) e Rio Claro (SP). Os destroços da aeronave estavam numa área de mata fechada na Serra da Mantiqueira, no sul de Minas Gerais, no município de Camanducaia (MG), perto da divisa com o Estado de São Paulo.

O avião foi encontrado pela FAB (Força Aérea Brasileira) e para chegar até ele militares tiveram muitas dificuldades. Foi preciso descer de rapel para confirmar se tratar mesmo dos destroços. Chegando ao local, eles se depararam com dois corpos juntos aos restos do monomotor.

As buscas vinham sendo prejudicadas em razão do mau tempo nos últimos dias. As chuvas intensas obrigaram a FAB a interromper por várias vezes a procura. A busca contou com um contingente de mais de 20 militares e duas aeronaves, sendo um helicóptero e um avião. O avião desapareceu após sair de Ubatuba, no litoral paulista, tendo o comerciante Diego Perez, de 31 anos, como piloto. Ao seu lado viajava outro comerciante, Marcos Teixeira Barros, também de 31 anos. Foi graças ao celular de um deles que foi possível iniciar a localização do monomotor. Isso porque o telefone foi rastreado pela operadora que apontou a região onde ele estaria. Familiares ainda tinham a esperança de que o piloto tivesse feito um pouso de emergência na mata e os dois ocupantes estivessem vivos, o que acabou não ocorrendo.

Carregando...

Últimos Vídeos

Siga o Yahoo