Avó protege neta de 3 anos em assalto e é esfaqueada

A avó estava acompanhada da neta, uma criança de 3 anos, quando foi abordada por um criminoso armado com uma faca. (Foto: Getty Images)
A avó estava acompanhada da neta, uma criança de 3 anos, quando foi abordada por um criminoso armado com uma faca. (Foto: Getty Images)

Na tentativa de proteger a neta de 3 anos durante um assalto, uma avó foi esfaqueada por um criminoso na última sexta-feira (6), em Palmas, Tocantins.

Segundo informações da Polícia Militar (PM), que informou sobre o crime somente neste domingo (8), a mulher estava acompanhada da neta, uma criança de 3 anos, quando foi abordada por um criminoso.

O suspeito teria ameaçado a criança durante o assalto e golpeou a mulher que teve as mãos cortadas ao proteger a neta. As informações são do G1.

Ainda de acordo com a corporação, quando o policiamento chegou ao local, na quadra 307 Norte, onde a vítima estava ferida e o suspeito já tinha sido contido pelos moradores.

A polícia informou que a vítima estava com a neta quando foi abordada pelo criminoso.

Segundo a corporação, ao anunciar o assalto, o homem ameaçou golpear a criança e em seguida golpeou a mulher. "Para se defender ela chegou a segurar na lâmina do facão, causando cortes profundos em sua mão", informou a polícia.

Ainda de acordo com relatos da polícia, o homem fugiu levando o celular da vítima, no entanto, foi detido momentos depois por moradores em uma área de mata.

Devido a revolta da população por conta da ameaça à criança e os ferimentos na mulher, o suspeito foi agredido por populares e, ao ser preso pela polícia, estava com vários hematomas pelo corpo devido às agressões.

Não foi informado se a mulher precisou passar por atendimento médico por conta dos ferimentos

O suspeito foi levado para uma delegacia e deve responder pelo crime de tentativa de latrocínio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos