Ayrton Lucas não atinge meta e Flamengo não terá obrigação de comprá-lo; entenda

Enquanto faz as contas para iniciar as propostas de renovação de jogadores como Filipe Luís e David Luiz, o Flamengo já sabe que não terá a obrigação de compra de outro lateral, Ayrton Lucas, nos valores acordados no atual contrato de empréstimo.

Como o jogador não atingiu a meta de presença em 65% dos jogos até dezembro, e isso não acontecerá mesmo se ele atuar nos jogos restantes do Brasileiro, a diretoria não precisará pagar os oito milhões de euros previstos, cerca de R$ 40 milhões, pelo jogador do Spartak Moscou.

Com isso, haverá liberdade para negociar tanto uma possível ampliação do empréstimo como a compra por um valos mais baixo. Ayrton atuou até agora em 37 partidas, 50% do total do Flamengo na temporada. Tem boa avaliação, jogou bem a final da Libertadores, mas é considerado caro.

De qualquer forma, a pendência sobre sua permanência precisará ser resolvida até dezembro. Já que para participar do Mundial de Clubes no ano que vem Ayrton precisará estar de contrato novo. Não só ele, como o titular Filipe Luís também, que aguarda contato do Flamengo com uma proposta.