Azelia Banks desenterra gato morto e escalda restos mortais em ritual

Rafael Monteiro
·2 minuto de leitura
READING, ENGLAND - AUGUST 25:  Azelia Banks performs on the Dance Stage during Day 2 of Reading Festival at Richfield Avenue on August 25, 2012 in Reading, United Kingdom.  (Photo by Marc Broussely/Redferns via Getty Images)
Azelia Banks (Photo by Marc Broussely/Redferns via Getty Images)

Azelia Banks apareceu em vídeo em sua conta no Instagram numa situação nada comum. Nas imagens, publicadas e excluídas nesta terça-feira (12), ela desenterrou o antigo gato de estimação, Lúcifer, e escaldou os seus restos mortais.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

"Lúcifer 2009-2020. Meu querido gatinho. Obrigada por tudo. Uma lenda. Um ícone. Para sempre um servo", escreveu ela sobre o animal, morto há três meses. Em outros vídeos, ela apareceu queimando sálvia, erva usada, segundo algumas crenças, para limpar ambientes com energias negativas.

Leia também:

Em outra publicação, Banks mostrou um vaso rosa com um conteúdo bem diverso - indo desde às garrafas de bebidas alcóolicas até um crânio de um pequeno animal (que não foi identificado como o de Lúcifer).

Nas redes sociais, muita gente criticou o ritual - o que gerou uma discussão sobre racismo e intolerância religiosa em algumas publicações. Azelia Banks é seguidora da santeria, religião baseada no iorubá, no cristianismo e nas crenças dos povos indígenas.

“Os negros nascem naturalmente VIDORES, DIVINADORES, BRUXAS E FEITICEIROS. Temos poderes sobrenaturais REAIS, e quanto mais cedo TODOS aprendermos a cultivá-los e acessá-los, mais cedo poderemos REALMENTE consertar a merda", escreveu ela certa vez, como lembrou o portal Rap Mais.

Veja alguns comentários sobre as publicações de Azelia abaixo:

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube