CORREÇÃO- Azul mira oferta por totalidade da Latam Airlines, diz CEO

·1 min de leitura

(Corrige o nome do executivo da Azul para John Rodgerson)

SÃO PAULO (Reuters) - Corrige nome do executivo da Azul para John Rodgerson

A companhia aérea brasileira Azul tem interesse em comprar a totalidade da chilena Latam Airlines Group, e está pronta para fazer uma oferta caso os credores não cheguem a um acordo sobre um plano de reestruturação, disse o presidente da Azul, John Rodgerson, ao jornal chileno Diario Financiero na segunda-feira.

"Nós sabemos exatamente o que vamos oferecer", afirmou Rodgerson na entrevista, acrescentando que a Azul provavelmente terá que esperar até 23 de novembro, quando o limite estatutário para alcançar um plano de reestruturação se esgota.

A Reuters informou anteriormente que a Azul estava interessada apenas em comprar as operações brasileiras da Latam, mas em entrevista ao Diario Financiero, Rodgerson disse que o plano é comprar e manter a empresa inteira.

“Compraríamos todo o ativo. Acredito que o grupo tem muito valor e não estamos pensando em cindir ou vender divisões”, declarou.

Rodgerson disse que, se a Latam conseguir chegar a uma reestruturação, a Azul não poderá fazer sua oferta, mas que tudo indica que tal acordo não será alcançado.

Questionada, a Latam informou por e-mail que a empresa "não está à venda" e não quis comentar sobre as intenções da Azul.

A companhia disse ainda que está se preparando para entregar seu plano de reestruturação neste ano.

(Reportagem de Stephen Eisenhammer)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos