Bactéria que causa antraz é encontrada em mais de cem cabeças de gado que morreram na Croácia

Mais de cem cabeças de gado morreram no nordeste da Croácia em decorrência de contaminação pela bactéria que causa o antraz, doença infecciosa extremamente agressiva. Seis pessoas, incluindo duas crianças, também foram infectadas, segundo a agência HINA, citando as autoridades croatas.

Covid: médias de mortes e casos seguem em estabilidade, mostra consórcio de imprensa

Anomalia de Ebstein: a doença rara da filha de Juliano Cazarré; entenda

A administração veterinária do país fez uma análise laboratorial das vacas, que eram de uma área protegida em Lonjsko Polje, a sudeste de Zagreb. O Ministério da Agricultura do país confirmou neste sábado que a causa da morte em massa foi o antraz.

“Todos [infectados] receberam tratamento antibiótico a tempo, e tudo está sob supervisão”, disse o diretor do escritório de saúde local, Inoslav Brkič. Segundo ele, esta é a maior epidemia da doença de que se tem registro na região.

O antraz é causado por esporos bacterianos presentes no solo. Eles podem ser ativados por fortes chuvas, inundações ou, inversamente, por períodos de seca. O contágio pode resultar na morte de um grande número de animais em um curto período de tempo.

Raiva: uma bomba jogada no outro que explode dentro de nós!

O antraz raramente é transmitido de animais para humanos e quase nunca é transmitido de pessoa para pessoa. Cerca de 95% de todos os casos de esplenomegalia esplênica em humanos resultam do contato pele a pele com animais infectados.

A doença pode ser tratada por meio de antibióticos, mas, caso não haja tratamento adequado, pode ser fatal para os seres humanos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos