Seul propõe a Pyongyang nova reunião para conversar sobre Jogos de Inverno

Seul, 12 jan (EFE).- A Coreia do Sul propôs nesta sexta-feira à Coreia do Norte a realização de uma nova reunião na próxima segunda-feira para discutir os detalhes sobre a participação de Pyongyang nos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang, que acontecerão em fevereiro.

Seul propôs que esse encontro aconteça na aldeia da trégua de Panmunjom, situada na militarizada fronteira intercoreana, e que já foi o cenário da reunião que protagonizaram na última terça-feira, a primeira em mais de dois anos, informou o Ministério de Unificação sul-coreano.

Seul notificou Pyongyang que enviará uma delegação de três pessoas liderada pelo vice-ministro de Unificação, Chun Hae-sung, que já esteve presente no encontro desta semana.

A oferta da Coreia do Sul é divulgada quatro dias depois de o Norte afirmar que enviará uma delegação de representantes do seu governo aos Jogos de Inverno, assim como torcedores e atletas, mas sem detalhar se os esportistas competiriam nas provas.

A reunião de trabalho da segunda-feira teria como objetivo determinar este e outros detalhes, assim como o modo como os norte-coreanos viajariam para o Sul - se for por terra isso requereria um acordo militar - ou como seriam cobertas as despesas da missão, já que financiar a participação do Norte em PyeongChang pode vulnerar as sanções que pesam sobre o regime pelos seus programas de armas.

Além do seu compromisso para facilitar a participação norte-coreana nas Olimpíadas de Inverno, Norte e Sul se mostraram de acordo durante a última reunião em realizar conversas de caráter militar, embora nenhuma data tenha sido proposta por enquanto. EFE