Bahia: Chuvas deixam ao menos 18 mortos após homem se afogar em Rio das Contas

·1 min de leitura
Foto: Getty Images.
Foto: Getty Images.
  • As chuvas que assolam municípios da Bahia causaram o rompimento de duas barragens;

  • Em decorrência da quantidade de chuva, um senhor de 60 anos dono de balsa morreu afogado;

  • Já são 72 cidades em situação de emergência

Duas barragens romperam por causa da fortes chuvas que estão assolando a Bahia neste final de semana. Como efeito, mais uma pessoa morreu, subindo o número de mortos para 18. 

Além disso, já são 72 cidades em situação de emergência porque foram incluídas mais 47 municípios na lista neste domingo (26). 

O dono de balsa Olivan Alves Mota, de 60 anos, foi a 18° vitima, após se afogar no Rio das Contas, em Aureliano leal, no Sul da Bahia, neste domingo (26).

Leia também:

A primeira barragem a se romper foi em Vitória da Conquista, na noite de sábado (15), e a segunda foi em Jussiape, na Chapada Diamantina, na manhã deste domingo.

De acordo com as polícias rodoviárias estadual e federal, dez rodovias estão parcial ou totalmente fechadas.

No município de Ubatã, uma parte da BR-330 cedeu e abriu uma cratera. Enquanto isso, em Salvador, os moradores dos bairros de Castelo Branco e Sete de Abril foram orientados para deixarem as casas no sábado à noite, a fim de evitar mais tragédias.

O volume de chuva extrapolou 150 milímetros em 72 horas. De acordo com Sósthenes Macedo, coordenador da Defesa Civil de Salvador, este mês de novembro foi o mais chuvoso dos últimos dez anos, enquanto dezembro deve superar todas as expectativas.

Com informações do Portal G1.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos