Bahia tem o diesel mais caro do país após privatizar refinaria

Sob gestão privada, o Estado passou a ocupar do 16º ao 1º lugares com diesel S10 mais caro do país
Sob gestão privada, o Estado passou a ocupar do 16º ao 1º lugares com diesel S10 mais caro do país
  • Litro do diesel S10 na Bahia está custando R$ 7,66 em média;

  • A Refinaria de Mataripe foi vendida para a empresa de origem Árabe Acelen;

  • Antes, o estado figurava como um dos locais com o diesel mais barato.

Com a primeira refinaria da Petrobras privatizada do Brasil, o litro do diesel S10 na Bahia está custando R$ 7,66 em média, o mais alto de todos os estados na semana passada, segundo pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Em comparação de quando a refinaria era da Petrobras, de janeiro até a 1ª semana de maio de 2021, os preços na Bahia apareciam de 23º a 16º mais caros, considerando-se todos os 26 estados e o Distrito Federal.

A Refinaria de Mataripe, vendida para a empresa de origem Árabe Acelen, é responsável pelo abastecimento na Bahia e em outros estados do Nordeste. A operação privada começou em dezembro de 2021.

Neste ano, sob gestão privada, o Estado passou a ocupar do 16º ao 1º lugares com diesel S10 mais caro do país. Sendo que, em 72% das pesquisas, esteve entre os 8 preços médios mais altos. O levantamento foi feito pelo jornal digital Poder360.

Em dois momentos do período analisado neste ano — na semana do reajuste de 24,9% da Petrobras no diesel e na semana passada— o preço médio baiano desbancou o do Acre, que sempre ocupou o 1º lugar entre os preços mais altos.

Privatização da Petrobras?

O assunto de uma possível privatização da Petrobras voltou a chamar atenção dos brasileiros após o novo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, anunciar que vai pedir estudos sobre a desestatização da Petrobras e a inclusão da PPSA (Pré-Sal Petróleo) no programa de privatizações do governo.

Segundo o novo gestor, este será o seu 1º ato no cargo. “Meu 1º ato como ministro de Minas e Energia será solicitar ao ministro Paulo Guedes, o presidente do PPI (Programa de Parcerias de Investimentos), que leve ao conselho a inclusão da PPSA no PND (Programa Nacional de Desestatização)”, afirmou.

“Ainda como parte do 1º ato como ministro, solicito também o início dos estudos tendentes à proposição das alterações legislativas necessárias à desestatização da Petrobras”. Sachsida disse que a capitalização da Eletrobras também é uma prioridade do Ministério de Minas e Energia, que conta com o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos