Balenciaga lança bolsa de R$ 9 mil inspirada em sacos de lixo

Bolsa é inspirada no design de sacos e lixo (Getty Image)
Bolsa é inspirada no design de sacos e lixo (Getty Image)
  • Marca anunciou bolsas que se parecem com sacos de lixo

  • Item compõe a coleção de outono/inverno da grife

  • Lançamento custa mais de 9 mil reais

Não é de hoje que a internet acusa a Balenciaga de fazer rico de otário. A marca é conhecida por criar itens exóticos de moda e vender a preços altíssimos. O lançamento da vez é uma bolsa inspirada em sacos de lixo.

Quem quiser ostentar um estilo que se assemelha ao de coletores de materiais recicláveis precisará desembolsar U$1.790,00 (cerca de R$9.300,00).

A peça, que compõe a coleção Outono/ Inverno da grife espanhola, gerou discussões nas redes sociais. No entanto, chocar o público parece ser exatamente o objetivo da empresa.

“Eu não poderia perder a oportunidade de fazer o saco de lixo mais caro do mundo, porque quem não ama um escândalo fashion?”, falou Demna Gavsalia, diretor criativo da grife, se referindo à Trash Pouch.

Vale lembrar que ainda neste ano, a marca já vendeu um tênis totalmente destruído por R$ 10 mil. Essa criação também gerou críticas e comentários ao redor do mundo. Alguns consumidores achavam a criação ousada. Também havia quem declarasse na internet que esse era um teste para saber até onde era possível tirar dinheiro de gente rica.

O produto está disponível nas cores preto e verde, com uma tira para amarrar branca, e branco, com amarração em vermelho. Quem quiser comprar a coleção inteira gastará quase 30 mil reais para adquirir todos os produtos.

Infelizmente, não será possível montar esse look trash no Brasil. Nenhuma das bolsas está disponível para venda no país. O jeito é usar sacos de lixo convencionais para seguir a tendência. Ou investir dinheiro em peças menos escandalosas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos