Banco Central autoriza alteração em regulamento que deve viabilizar compras pelo WhatsApp

BRASÍLIA — O Banco Central (BC) autorizou nesta sexta-feira (dia 18) a alteração de um regulamento em mais uma etapa para possibilitar que a Visa opere pagamentos com cartão de crédito, débito e pré-pago pelo WhatsApp.

A autorização do BC acontece um dia depois do WhatsApp anunciar a função "Guia de Negócios", que permite achar empresas, conversar sobre produtos e, no futuro, fazer compras pelo próprio aplicativo. No anúncio de quinta-feira, a empresa de mensagens informou que a ferramenta de pagamentos estaria disponível “em breve”.

Em nota, o BC esclareceu que apesar de autorizado, a função de pagamentos via WhatsApp ainda não está liberada.

"Destaca-se que a autorização concedida é apenas uma das etapas necessárias à liberação do programa Facebook Pay no caso dos arranjos de compra, que continua sobrestado até que outros requisitos regulatórios aplicáveis, especialmente aqueles relacionados a aspectos concorrenciais e não discriminatórios no credenciamento, tenham seu cumprimento comprovado pelas instituições envolvidas em sua implementação".

A nova funcionalidade do WhatsApp vai permitir que os usuários achem uma empresa por meio da busca do WhatsApp e tem como foco pequenos negócios locais, como padarias ou salões de beleza.

O objetivo é que todo o processo de compra seja realizado pelo próprio aplicativo, desde o encontro do produto até a finalização da transação.

O WhatsApp informou na quinta-feira que o recurso de pagamento está em testes e as empresas Cielo, Fiserv, Getnet, Mercado Pago e Rede estão participando do processo.