Barcos se chocam em ponto turístico na Itália

Dois barcos grandes se chocaram violentamente em Argentario, na região da Toscana, neste sábado (23). Até o momento, há uma morte confirmada. Quatro pessoas ficaram feridas, uma em estado grave, e uma está desaparecida.

Vídeo: avião cai em praia nos Estados Unidos durante competição de salva-vidas

Na África: trinta pessoas morrem queimadas em acidente de carro na Nigéria

As autoridades ainda não sabem exatamente o que aconteceu. Com base nas primeiras hipóteses, um iate, no qual viajavam duas pessoas, teria atingido um veleiro, onde havia outras quatro, praticamente partindo-o em dois.

As buscas pela mulher que está desaparecida estão sendo realizadas. As duas embarcações, uma com cerca de 10 metros e a outra com mais de 20 metros de comprimento, não afundaram, mas dificultaram o resgate do corpo do homem que faleceu.

O corpo havia ficado preso na hélice de um dos barcos, mas foi recuperado pelos mergulhadores dos bombeiros. A equipe levou os restos mortais do homem, com idade presumida entre 50 e 60 anos, para o hospital San Giovanni di Dio, nas proximidades, em Orbetello.

Entre as quatro pessoas resgatadas há um gravemente ferido com traumas na cabeça e no peito, que já foi transportado de helicóptero para o hospital Le Scotte, em Siena. Todas as pessoas envolvidas no acidente teriam entre 50 e 60 anos, mas a informação ainda não foi confirmada.

Segundo o jornal Corriere della Sera, o acidente aconteceu a quase 10 quilômetros do Monte Argentario, ponto turístico da região, e foi reportado por uma das sobreviventes, que ligou para o número de emergência do capitão.

Ainda de acordo com o relato, a mulher estava desesperada e gritou durante a ligação: “apressem-se. Há mortes. É uma tragédia”. O resgate foi imediato e os barcos de patrulha chegaram ao ponto de colisão em poucos minutos.

O promotor do município de Grosseto abriu uma investigação para apurar o ocorrido e as primeiras testemunhas já foram ouvidas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos