BB anuncia programa de negociação de dívidas para PJ com descontos de até 92%

Gabriel Martins
Agência do Banco do Brasil, na Avenida Rio Branco, Centro do Rio

O Banco do Brasil (BB) e a Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ) firmaram um acordo para renegociar dívidas de micro, pequenas e médias empresas fluminenses. De 9 a 27 de março, cerca de 21 mil pessoas jurídicas poderão conseguir descontos de até 92% para a quitação à vista das valores em aberto. O nome da campanha lançada nesta sexta é "Vem que dá".

Além disso, também haverá renegociação para dívidas contraídas junto ao BB na linha de crédito BNDER PER, lançada em 2011, que teve como objetivo auxiliar empresários de regiões afetadas por desastres naturais, como foi o caso de municípios da Região Serrana do Rio.

— Noos objetivo é contribuir para a renegociação de dívidas, o que vai permitir que as empresas do estado recuperem suas finanças e voltem a competir em pé de igualdade com a concorrência — disse Angela Costa, presidente da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ).

De acordo com a estimativa de Angela, cerca de três mil empresas da Região Serrana poderão negocias as dívidas contraídas pela linha do BNDES junto ao BB:

— Graças a esse acordo, cerca de três mil empresários da Região Serrana, que foi duramente afetada por chuvas em 2011, poderão saldar suas dívidas. O Banco do Brasil examinará caso a caso.

Os descontos de até 92% no valor total são para pagamento à vista, porém, quem não quiser ou puder optar por essa modalidade, há a possibilidade de pagamento a prazo, em até 36 prestações mensais fixas.

A medida é voltada para pessoas jurídicas que tenham valores em aberto junto ao Banco do Brasil. A ação não é voltada para dívidas em outras instituições financeiras.

Para aderir ao programa, o PJ deve procurar uma agência do BB no período para que o caso seja analisado e a negociação seja feita.