"BBB23": Paula é biomédica e se afastou de amigos para entrar no reality

Sister está entre os confinados da Casa de Vidro e disputa a vaga contra a empresária Giovanna Leão

Paula Freitas na Casa de Vidro do
Paula Freitas na Casa de Vidro do "BBB23", no Via Parque Shopping no Rio de Janeiro. (Foto: Paulo Tauil/AgNews)

Paula Freitas foi a primeira participante a entrar na Casa de Vidro nesta terça-feira (10) para disputar uma vaga no "BBB23". Ela tem 28 anos, é biomédica e veio diretamente de Jacundá, no Pará. A moça se afastou dos cargos da igreja e de pessoas próximas para realizar o sonho de participar do reality show da TV Globo. Conheça detalhes da vida da sister:

Carreira

Ela saiu de casa para estudar biomedicina em Goiânia e quando voltou para Jacundá, começou a trabalhar na área. “Sou funcionária pública há oito anos. Comecei a pagar a faculdade do meu irmão; ele começou a trabalhar. Eu e ele viramos o pai e a mãe. E, hoje, quem sustenta minha mãe sou eu”, contou ao "Gshow".

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Importância da fé em sua vida

Paula passou a frequentar a igreja quando as brigas entre os pais, hoje separados, ficaram cada vez mais intensas. Ela chegou até a um cargo de liderança no movimento jovem.

“Eram brigas infernais. Corria para a igreja porque era o lugar que tinha paz. Comecei a ver que via de uma forma mais serena aquilo que estava acontecendo. Foi a minha fé que me ajudou. Com certeza. A perdoar o meu pai, a encarar tudo, a perdoar, a ser mais caridosa", contou.

Por conta do sonho de participar do BBB, ela se afastou dos cargos na igreja e até mesmo de pessoas mais próximas, que não apoiaram sua decisão. “Meu jeito, no geral, incomoda as pessoas. Sou feliz e alegre, mas também bem exigente, determinada e consigo ir de 0 a 100 muito rápido. Sou muito estourada. Não pisa no meu calo.”

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Como usará o prêmio do programa?

Paula conta que no passado, queria entrar no reality show pela experiência, mas hoje vê o "Big Brother" como sua salvação. Ela conta que seu grande objetivo é usar o valor do prêmio para ajudar a família. “Tem gente que quer fama, quer mudar o mundo inteiro; eu só quero esse dinheiro para mudar de vida”.