BBB da política? PSDB aproveita reality para anunciar Doria "pai da vacina"

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
BBB da política? PSDB aproveita reality para anunciar Doria
BBB da política? PSDB aproveita reality para anunciar Doria "pai da vacina" (Foto: Reprodução/Twitter)
  • BBB da política? PSDB aproveita reality para anunciar Doria "pai da vacina"

  • Imagem foi publicada nas redes sociais do partido

  • Doria acompanhou hoje a primeira criança sendo vacinada contra covid-19 no país

No embalo do dia de divulgação dos participantes do Big Brother Brasil 22, da TV Globo, o PSDB, partido do governador de São Paulo, João Doria, publicou nesta sexta-feira (14) em suas redes sociais uma imagem de Doria com a frase “pai da vacina”, como se ele fosse entrar no programa.

A imagem publicada é igual com as apresentações dos confinados do reality show deste ano.

Na legenda, a sigla marcou o governador e escreveu: “#VacinasSalvamVidas”.

Primeira criança vacinada no Brasil

A primeira criança vacinada no Brasil é Davi Xavante, de 8 anos, indígena e morador de Piracicaba. Ele recebeu a primeira dose da Pfizer na tarde de hoje, no Hospital das Clínicas.

O governador João Doria acompanhou o momento.

Natural de Mato Grosso, Davi vive em Piracicaba, no interior paulista, há um ano. Ele se mudou para São Paulo para fazer um tratamento no Instituto da Criança do Hospital das Clínicas. Ele é a primeira criança entre 5 e 11 anos a receber o imunizante no país. Outras crianças foram vacinadas no evento, com deficiência, com comorbidades e também quilombolas.

O pai de Davi, Cacique Jurandir Siridiwê, da tribo Xavante, agradeceu ao governador João Doria e lembrou a todos sobre a importância da vacinação e do uso da máscara.

Doria lembrou que, há quase um ano, o Brasil vacinada a primeira pessoa no país, a enfermeira Monica Calazans, também no Hospital das Clínicas.

Na última quinta-feira (13), o primeiro lote, com 1,2 milhão de vacinas da Pfizer chegou ao Brasil. No próximo domingo (16), um novo carregamento com 1,8 milhões de doses será entregue ao país. Até o fim de janeiro, serão 4,3 milhões de doses. O acordo entre Pfizer e Ministério da Saúde prevê a compra de 20 milhões de doses, que chegarão até o fim de março. A aplicação da vacina da Pfizer em crianças de 5 a 11 anos terá intervalo de 8 semanas entre as doses.

No entanto, o Brasil precisaria de mais de 40 milhões de doses para imunizar todas as crianças entre 5 e 11 anos. O governo paulista tem a expectativa que, na próxima semana, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) libere o uso da CoronaVac para esta faixa etária.

"Temos 15 milhões de doses da vacina no Butantan, prontas, disponíveis para iniciar a vacinação em uma escala muito maior que, até o presente momento, estão prevista pelo Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde", disse Doria em coletiva de imprensa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos