BCE aumenta taxa de juro em 75 pontos-base para os 2%

BCE aumenta taxa de juro em 75 pontos-base para os 2%

O Banco Central Europeu (BCE) decidiu continuar a subir as taxas de juro na reunião desta quinta-feira.A taxa de refinanciamento do BCE, ou taxa diretora, sobe em 75 pontos-base, para os 2%, isto apesar do risco de recessão. Em setembro, Christine Lagarde, presidente da instituição tinha adiantado que o banco pretende continuar a endurecer as condições de acesso ao crédito para "travar a procura."

É provável que a atividade económica na zona euro tenha abrandado significativamente no terceiro trimestre do ano e esperamos um novo enfraquecimento no resto deste ano e no início do próximo ano.

Ao reduzir os rendimentos reais das pessoas e ao aumentar os custos para as empresas, a inflação elevada continua a amortecer as despesas e a produção.

As perturbações graves no fornecimento de gás continuam e a confiança tanto dos consumidores como das empresas diminuiu rapidamente, o que também pesa sobre a economia".

A prioridade é não deixar a inflação "enraizar-se", disse Christine Lagarde, numa altura em que os consumidores se deparam com o aumento dos preços ; dos combustíveis e das prestações.

O BCE já tinha decidido duas subidas das taxas de juro desde o início do verão, pondo fim a uma década de política monetária expansionista. Em julho começou com um aumento de 50 pontos-base e em setembro acelerou para uma subida de 75-pontos base.