Beija-Flor retoma disputa de samba com a presença do público

·1 minuto de leitura

O carnaval ganha cada vez mais força para o ano que vem. A Beija-Flor de Nilópolis, do Grupo Especial, iniciou na última quinta-feira, 8, o concurso para a escolha do samba-enredo para o desfile do carnaval de 2022. O dia foi marcado pela assinatura de contrato da autorização da Marquês de Sapucaí (Sambódromo) para a realização dos desfiles de samba nos próximos quatro anos.

O retorno da disputa contou ainda com homenagens à figura fundamental nas conquistas da Beija-Flor de Nilópolis, Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, o Laíla, que faleceu em decorrência da covid-19. O barracão da escola, na cidade do samba, receberá o nome de Laíla.

A grande novidade é que a quadra da escola voltou a receber o público durante as eliminatórias. A retomada das atividades na quadra da Beija-Flor, ocorreu com 40% da capacidade, o que dá cerca de 4 mil pessoas, com obrigatoriedade no uso de máscaras.

No próximo desfile, a agremiação levará para a Marquês de Sapucaí o enredo “Empretecer é ouvir a voz da Beija-Flor”, que surge como uma abordagem antirracista e de exaltação de pensadores negros e da própria comunidade.

Após o corte da parceria de número 77, de Marcelo Guimarães, ainda restam 9 obras em disputa, que ocorrerá na próxima quinta-feira, dia 15, às 21h.

Confira as parcerias classificadas para a próxima fase:

SAMBA 01 – Parceria de J. Velloso

SAMBA 02 – Parceria de Rodrigo Cavanha

SAMBA 04 – Parceria de Kiraizinho

SAMBA 05 – Parceria de Bruno Riba

SAMBA 07 – Parceria de Dr. Rogério

SAMBA 08 – Parceria de Lia de Itamaracá

SAMBA 26 – Parceria de Lucas Gringo

SAMBA 39 – Parceria de Sidney de Pilares

SAMBA 85 – Parceria de Ailson Picanço

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos