Bellingham, da Inglaterra, é o 1º nascido no século XXI a marcar em Copas do Mundo

O gol da Inglaterra contra o Irã, aos 35 minutos do primeiro tempo, entrou para a história das Copas do Mundo. O meio-campista Jude Bellingham se tornou o primeiro jogador do século XXI a marcar um gol em Mundiais.

Após cruzamento de Luke Shaw, pelo lado esquerdo, Bellingham se antecipou a marcação e testou para o fundo das redes. Além da marca, o jogador do Borussia, com 19 anos e 145 dias, se tornou o mais jovem a marcar um gol pela Inglaterra na Copa do Mundo desde Michael Owen, com 18 anos e 190 dias, em 1998.

Após o gol, a torcida inglesa começou a cantar a música "Hey Jude", do Beatles, em homenagem ao jogador, cujo nome completo é Jude Victor William Bellingham. Na temporada, o atleta de 19 anos tem 25 jogos com dez gols marcados e três assistências feitas. Ele ainda se tornou o primeiro jogador com a camisa da Inglaterra em uma Copa sem nunca ter disputado a Premier League, primeira divisão do Campeonato Inglês.

Bellingham quebrou um recorde de 49 anos quando estreou pelo Birmingham aos 16 anos e 38 dias em 2019, superando Trevor Francis como o jogador mais jovem do clube. Ele causou tamanha impressão em sua única temporada no time titular que o clube aposentou sua camisa 22 quando ele se mudou para o Borussia Dortmund.

Essa transferência estabeleceu outro recorde – os 26 milhões de libras (cerca de R$ 161 milhões) que o clube alemão pagou foram o valor mais alto para um jovem de 17 anos. Ele rapidamente se estabeleceu na Bundesliga, tornando-se um dos pilares do time titular do Dortmund. Versátil e imprevisível, Jude é um meio-campista dotado de pés rápidos, passe longo preciso e um cérebro afiado.