Ben Platt admite que estrelar “Querido Evan Hansen” nos cinemas foi “decepcionante”

Ben Platt na adaptação cinematográfica de
Ben Platt na adaptação cinematográfica de "Querido Evan Hansen". (Foto: Divulgação/Universal Pictures)

Querido Evan Hansen” é um dos musicais mais famosos da Broadway e ganhou uma adaptação cinematográfica em 2021, que recebeu muitas críticas. Ben Platt, que protagonizou o musical no teatro e nos cinemas, admitiu que estrelar o longa foi decepcionante.

Em entrevista ao "New York Times", o artista comentou as críticas que recebeu por interpretar um adolescente no Ensino Médio sendo um adulto. “O filme foi definitivamente uma experiência decepcionante e difícil. E definitivamente abriu meus olhos para a internet e o quão horrível ela pode ser”, desabafou.

Por conta das críticas, Platt decidiu desativar sua conta no Twitter: “O Twitter é quase que exclusivamente para derrubar as pessoas. Eu não estava recebendo nada positivo. É realmente bom ficar longe de lá”.

Ben afirma que não estava preparado para a onda de ataques que sofreu por conta do longa. “Você pensa que, depois de quatro anos fazendo o musical nos palcos, eu já saberia disso. Eu tento meu melhor para focar nas pessoas que me dizem motivadas e que se viram no filme. É muito fácil o lado bom ser ofuscado pelo mau”, completou.

Dirigido por Stephen Chbosky, autor de "As Vantagens de Ser Invisível", o longa gira em torno de Evan Hansen, um jovem ansioso e que sente dificuldades de se conectar com os outros. O estudante se envolve em uma mentira após a morte de um colega de classe e acaba se aproximando da família do falecido.

Além de contar com Ben Platt de volta ao papel de protagonista, a adaptação cinematográfica teve Kaitlyn Dever ("Fora de Série"), Colton Ryan ("Little Voice"), Amy Adams ("Encantada"), Amandla Stenberg ("O Ódio que Você Semeia") e Julianne Moore ("Para Sempre Alice").