Bianca Joy Porte faz ensaio inspirado em Susan Sarandon: 'É o tipo de artista que eu gostaria de ser'

O Globo
·1 minuto de leitura

Desde 2014, quando tingiu os cabelos de vermelho para protagonizar o seu primeiro longa, Bianca Joy Porte não parou de ouvir o mesmo comentário: “Você é muito parecida com a Susan Sarandon”. Ela, que sempre encarou a comparação como um elogio e incorporou o ruivo no look, resolveu fazer agora um ensaio inspirado em fotos icônicas da atriz americana. Esta ao lado é baseada em uma cena de “As bruxas de Eastwick” (1987). “Susan é o tipo de artista que eu gostaria de ser”, elogia Bianca. "Fora que é um exemplo de ativista feminista".

Bianca está escrevendo uma série. Chama-se “Uma mina e um cara”, em que desconstrói uma relação hétero normativa pelo ponto de vista feminista. "É um projeto inspirado nas coisas que vivi, vi, estudei. É como se a Vani (personagem de Fernanda Torres em "Os normais") tivesse virado feminista, sabe?", conta.

E, em janeiro, vai estrelar um monólogo on-line, o "A vida viva", baseada na obra de Wilhelm Reich. "É mulher tentando se libertar da sociedade opressora, machista. Ou seja, todos os trabalhos giram em torno do feminismo. Afinal de contas, na arte hoje tudo é político e social. Não vejo mais separação", conclui.