Biden diz que comunidade de inteligência dos EUA está dividida sobre origem da Covid-19

·1 minuto de leitura
Presidente dos EUA, Joe Biden

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse nesta quarta-feira que a comunidade de inteligência de seu país está dividida sobre a origem do coronavírus que causa a Covid-19, inclusive se ele resultou de um contato humano com um animal infectado ou um acidente de laboratório.

Biden afirmou em um comunicado que pediu mais investigações sobre a origem da pandemia.

Ele ainda disse que a inteligência norte-americana está analisando duas possibilidades diferentes, que ela tem pouca confiança em suas conclusões atuais e que está dividida quanto a qual é a mais provável.

"Pedi agora que a comunidade de inteligência redobre os esforços para coletar e analisar informações que poderiam nos aproximar mais de uma conclusão definitiva e que me relate em 90 dias", disse Biden.

"Como parte deste relatório, pedi áreas de inquérito adicionais que possam ser requisitadas, incluindo questões específicas sobre a China."

(Por Trevor Hunnicutt e Timothy Ahmann)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos