Biden diz que grande violação de dados representa "grave risco" para os EUA e promete resposta

.

WASHINGTON (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta terça-feira que uma violação generalizada de dados do governo aparentemente realizada pelo governo russo representa um "grave risco" para a segurança nacional que não pode "ficar sem resposta".

Em uma entrevista coletiva, Biden culpou o presidente Donald Trump por retirar as defesas norte-americanas contra ataques cibernéticos, afirmando: "Esse ataque ocorreu sob a vigilância de Donald Trump, quando ele não estava acompanhando."

Biden disse que seu governo tomará medidas significativas para responder à violação.

(Por Brad Heath)