Biden escolhe ex-vice-diretor da CIA David Cohen para ocupar cargo de novo

·1 minuto de leitura
Ex-vice-diretor da CIA David Cohen

WASHINGTON (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, nomeou nesta sexta-feira o ex-vice-diretor da CIA David Cohen para retomar sua função na agência de inteligência dos EUA.

Cohen atuou anteriormente como vice-diretor da Agência Central de Inteligência de 2015 a 2017, sob o ex-presidente democrata Barack Obama, quando Biden era vice-presidente. Ele vai trabalhar com o diplomata de carreira William Burns, nomeado de Biden para diretor da CIA.

"Cohen é um especialista em segurança nacional, finanças e direito", informou a equipe de transição de Biden em um comunicado, ao ressaltar seu trabalho liderando "projetos especiais em novas tecnologias e a melhor forma de trabalhar com empresas para promover a missão da CIA".

O advogado também atuou anteriormente como subsecretário para Terrorismo e Inteligência Financeira no Departamento do Tesouro dos EUA, onde lidou com financiamento do terrorismo e supervisionou sanções contra países como Irã, Rússia e Coreia do Norte.

A equipe de transição de Biden disse ainda que a coordenadora de emergências da cidade de Nova York, Deanne Criswell, chefiará a Agência Federal de Gerenciamento de Emergências, que supervisiona a resposta do governo federal a incêndios florestais, furacões e outros desastres.

(Reportagem de Susan Heavey)