Biden falará na Assembleia Geral da ONU em 21 de setembro

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
O presidente dos EUA, Joe Biden, durante uma visita à Brookland Middle School em Washington, DC, em 10 de setembro de 2021 (AFP/SAUL LOEB)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, viajará para Nova York em 21 de setembro para falar na Assembleia Geral da ONU, anunciou a Casa Branca nesta segunda-feira (13).

A maior reunião diplomática do mundo, que no ano passado foi realizada virtualmente devido à pandemia do coronavírus, desta vez será realizada em um formato híbrido remoto-presencial.

Enfraquecido após a retirada caótica das tropas americanas do Afeganistão, que irritou alguns de seus aliados, Biden realizará uma série de reuniões diplomáticas nas próximas semanas e meses.

Por exemplo, em 24 de setembro, ele receberá os primeiros-ministros da Índia, Japão e Austrália na Casa Branca na primeira cúpula presencial de líderes do Diálogo Quadrilateral (Quad), informou sua porta-voz, Jen Psaki, nesta segunda-feira.

Da mesma forma, a cúpula do G20 em Roma e a principal reunião da ONU sobre clima, a COP26 em Glasgow, acontecerão no final de outubro e início de novembro.

Em dezembro, Biden reunirá líderes mundiais para uma "Cúpula pela Democracia" virtual que é vista como um desafio para a China e uma alternativa à tradicional reunião do G20. Até o momento, a lista de participantes da cúpula não foi divulgada.

aue/sw/sst/yow/lm/ap

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos