Biden, Macron e Bolsonaro: funeral da Rainha Elizabeth 2ª reúne líderes mundiais

Biden (foto), Bolsonaro, entre outros, compareceram ao funeral (SEAN SMITH/POOL/AFP via Getty Images)
Biden (foto), Bolsonaro, entre outros, compareceram ao funeral (SEAN SMITH/POOL/AFP via Getty Images)
  • Funeral da Rainha Elizabeth II reúne líderes como Bolsonaro, Macron e Joe Biden

  • Corpo da monarca será enterrado nesta segunda-feira (19) na Abadia de Westminster

  • Bolsonaro irritou-se com pergunta sobre uso da viagem para fazer campanha política

A cerimônia de despedida da Rainha Elizabeth II, que será enterrada nesta segunda-feira (19), levou diversos líderes mundiais à Inglaterra. Nomes como Joe Biden, Emmanuel Macron e Jair Bolsonaro (PL) estão presentes para homenagear a monarca.

Um dos primeiros a chegar à Abadia de Westminster para prestar tributos à rainha foi o presidente norte-americano. Biden estava acompanhado de sua esposa, a primeira-dama Jill Biden.

Leia também

Pouco depois, a nova primeira-ministra britânica, Liz Struss, também compareceu ao local. Ela foi nomeada no último dia 6, apenas dois dias antes da morte da monarca, na última aparição pública de Elizabeth II.

O ex-primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Boris Johnson, também marcou presença, ao lado de sua esposa Carrie.

Jair Bolsonaro foi à cerimônia com a esposa, Michelle (CHIP SOMODEVILLA/POOL/AFP via Getty Images)
Jair Bolsonaro foi à cerimônia com a esposa, Michelle (CHIP SOMODEVILLA/POOL/AFP via Getty Images)

O presidente da França, Emmanuel Macron, o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, o presidente da Itália, Sergio Mattarella, e o rei da Espanha, Felipe VI, foram outras presenças de destaque nas homenagens à rainha.

Jair Bolsonaro compareceu

O presidente Jair Bolsonaro chegou por volta das 6h45 (de Brasília) à Abadia de Westminster, acompanhado de sua esposa, a primeira-dama Michelle Bolsonaro.

Ao deixar a residência oficial do embaixador do Brasil em Londres, Bolsonaro irritou-se com perguntas sobre o possível uso da viagem para fazer campanha. "Você acha que eu vim aqui fazer política?", questionou.