Biden nomeia diplomata de carreira Bridget Brink como embaixadora dos EUA na Ucrânia

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Presidente dos EUA, Joe Biden
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Humeyra Pamuk

WASHINGTON (Reuters) - O presidente Joe Biden nomeou a diplomata veterana Bridget Brink como nova embaixadora dos Estados Unidos na Ucrânia, informou a Casa Branca nesta segunda-feira, agindo para preencher um cargo crucial que estava vago por quase três anos, enquanto Washington intensifica os esforços para ajudar a Ucrânia a se defender de uma invasão russa.

Brink, atualmente embaixadora dos EUA na Eslováquia, é diplomata de carreira há 25 anos e trabalhou no Uzbequistão e na Geórgia, bem como em vários cargos de alto escalão no Departamento de Estado e no Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca.

Nascida em Michigan e falante de russo, as "décadas de experiência de Brink a tornam singularmente adequada para este momento da história da Ucrânia", afirmou um comunicado do Departamento de Estado.

O Senado dos EUA precisa confirmar a escolha para o cargo, vago desde que o ex-presidente Donald Trump retirou abruptamente a então embaixadora dos EUA na Ucrânia Marie Yovanovitch em maio de 2019.

Assessores democratas e republicanos do Senado disseram não prever problemas para a aprovação. Brink foi confirmada por votação unânime em 2019, quando o republicano Trump a nomeou para seu cargo atual em Bratislava.

O anúncio da nomeação ocorreu após uma viagem no fim de semana do secretário de Estado, Antony Blinken, e do secretário de Defesa, Lloyd Austin, à capital ucraniana, Kiev, onde se encontraram com o presidente Volodomyr Zelenskiy e outras autoridades ucranianas.

(Reportagem de Humeyra Pamuk; reportagem adicional de Patricia Zengerle e Susan Heavey)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos