Biden recusou pedido de reunião de líder palestino durante Assembleia-Geral da ONU, diz site

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
*ARQUIVO* BRASILIA, DF,  BRASIL,  17-06-2014, 10h00: O vice presidente americano Joe Biden durante declaração à imprensa na Embaixada Americana em Brasília. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
*ARQUIVO* BRASILIA, DF, BRASIL, 17-06-2014, 10h00: O vice presidente americano Joe Biden durante declaração à imprensa na Embaixada Americana em Brasília. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O presidente dos EUA, Joe Biden, recusou um pedido do presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, para uma reunião bilateral durante a Assembleia-Geral da ONU, na última semana, segundo divulgou o site Axios.

De acordo com a publicação, a Casa Branca disse aos palestinos que o democrata não iria realizar reuniões em Nova York e que sua agenda não permitiria um encontro em Washington. Biden não teve compromissos oficiais com outros líderes durante sua passagem pela metrópole americana.

A consulta foi feita durante uma avaliação se Abbas viajaria aos EUA para a Assembleia-Geral, que reuniu mais de cem líderes presencialmente, mas teve participações virtuais. A resposta americana contribuiu para decisão do presidente palestino de não ir a Nova York. Procurada pelo site Axios, a Casa Branca não comentou sobre o assunto.

Apesar da recusa, a questão israelo-palestina esteve presente no discurso de Biden na ONU, que ressaltou seu apoio a uma solução de dois Estados, mas reconheceu que se trata de um objetivo distante no momento. Abbas, por sua vez, alertou que as ações de Israel resultariam em uma solução de apenas um Estado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos