Biden telefona para Lula e ressalta a 'força das instituições democráticas' do Brasil

O presidente dos EUA, Joe Biden, telefonou nesta segunda-feira para o presidente eleito do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), para cumprimentá-lo pela vitória na eleição de domingo e elogiar a "força das instituições democráticas brasileiras depois de eleições livres, justas e confiáveis". O presidente americano foi um dos primeiros líderes internacionais a reconhecer a vitória de Lula, ainda no domingo.

"Os dois líderes discutiram a forte relação entre os Estados Unidos e o Brasil, e se comprometeram a continuar trabalhando como parceiros para enfrentar desafios comuns, incluindo o combate às mudanças do clima, garantir a segurança alimentar, promover a inclusão e a democracia, e gerenciar a migração regional", afirmou comunicado emitido pela Casa Branca.

Na véspera, minutos depois da confirmação do resultado pelo TSE, Biden emitiu uma nota parabenizando Lula pela eleição, e reafirmando a intenção de "trabalhar em conjunto para continuar com a cooperação entre os dois países pelos próximos meses e anos".