Biden volta a dizer que buscará reeleição e promete diálogo com republicanos após midterms

*ARQUOVO* BRASILIA, DF,  BRASIL,  17-06-2014, 10h00: O vice presidente americano Joe Biden durante declaração à imprensa na Embaixada Americana em Brasília. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
*ARQUOVO* BRASILIA, DF, BRASIL, 17-06-2014, 10h00: O vice presidente americano Joe Biden durante declaração à imprensa na Embaixada Americana em Brasília. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - No primeiro pronunciamento após as midterms nos EUA, o presidente Joe Biden afirmou nesta quarta-feira (9) que vai intensificar esforços para dialogar com o Partido Republicano numa tentativa de somar votos em uma Câmara que provavelmente será controlada pelos adversários em 2023. O democrata também voltou a dizer que buscará a reeleição na disputa à Presidência em 2024.

Biden disse que planeja fazer uma reunião com representantes dos republicanos após a reunião do G20, que acontece em Bali, na semana que vem, para traçar políticas econômicas.

Biden afirmou que o dia da votação foi "bom para a democracia". A onda vermelha republicana projetada pelas pesquisas para o Congresso não deve chegar com tanta força como aconteceu em outros mandatos democratas.

"Nossa democracia foi testada nos últimos anos, mas com seus votos, o povo americano falou e provou mais uma vez que a democracia é quem somos", disse ele.