Bill e Melinda Gates anunciam divórcio após 27 anos de casamento

·1 minuto de leitura
Bill e Melinda Gates em foto de 2018

O fundador da Microsoft e bilionário filantropo, Bill Gates, e sua esposa, Melinda, vão se divorciar depois de 27 anos de casamento, informou o casal em um comunicado conjunto nesta segunda-feira (3).

O anúncio de separação de um dos casais mais ricos do mundo, com uma fortuna líquida estimada em cerca de US$ 130 bilhões, foi feito pelo Twitter.

"Depois de muita reflexão e muito trabalho no nosso relacionamento, tomamos a decisão de encerrar nosso casamento", afirmaram.

Segundo o comunicado, eles continuarão com o trabalho conjunto na Fundação Bill & Melinda Gates, a vasta organização de caridade que financia programas de saúde global, igualdade de gênero, educação e outras causas.

"Nós continuamos a compartilhar uma crença nesta missão e vamos continuar com nosso trabalho juntos na fundação, mas não acreditamos que possamos mais crescer juntos como um casal nesta nova fase das nossas vidas", acrescentaram.

O anúncio foi feito dois anos depois do divórcio do fundador da Amazon, Jeff Bezos, também uma das pessoas mais ricas do mundo, e sua esposa, MacKenzie.

Bill Gates, de 65 anos, era um adolescente vidrado em tecnologia quando iniciou o que se tornaria a empresa mais valiosa do mundo, e foi por certo tempo a pessoa mais rica do mundo e o filantropo mais proeminente.

Ele deixou o cargo de diretor-executivo da Microsoft em 2008 para dedicar mais tempo à filantropia e mais tarde deixou o conselho, mantendo apenas o título de "fundador e conselheiro tecnológico".

Bill e Melinda Gates, de 56 anos, casaram-se em 1994, quando ela trabalhava na empresa de tecnologia. Juntos, tiveram três filhos.

bur-rl/jm/mvv